quinta-feira, 29 de abril de 2010

Fotos: O Pirulito da Ciência de Tom Zé


Aos 73 anos, o baiano de Iraxá, é uma das figuras mais engajadas e originais da música; personalidade que participou ativamente do movimento tropicalista dos anos 60 e até hoje agrada o seu público com suas letras, músicas, textos e seu jeito único de ser, que fala e faz o que pensa ser importante e relevante a sociedade!

Tom Zé retornou à Campinas dia 17 de abril para apresentar seu novo trabalho, "Pirulito da Ciência". O show foi parte do Projeto Marginália do Sesc Campinas, projeto esse que visava reunir representantes do movimento "marginal" (que era o desejo dos artistas da época, 60 e 70, de não se enquadrar no fluxo contínuo do mercado cultural, criando assim novas formas de manifestações artísticas além de questionar as produções artísticas da época).

O show de Tom Zé esgotou todos os ingressos, lotou o Sesc e ainda deixou muita gente na porta (na expectativa de alguém faltar e assim poder entrar). E o irreverente cantor respondeu ao carinho do público com toda a energia, alegria e um show que não tem muito como ser definido, tem que assistir para poder tirar suas próprias conclusões. O que posso dizer é que foi um show ao melhor estilo Tom Zé.

Canções já consagradas e várias letras novas fizeram parte do show. Além disso a interação do cantor e público era intensa, em meio as canções, histórias e piadinhas eram comuns, o público realmente se divertiu durante o show. Após a apresentação Tom Zé ainda autografou cd's e dvd's e tirou fotos com os fãs.

Parabéns ao Tom Zé e banda que continuam ótimos e ao Sesc por proporcionar shows como esse a cidade de Campinas que ainda é bastante carente na parte de cultura "alternativa"(esse é o termo usado, porém eu discordo, não existe cultura alternativa, cultura é cultura e pronto).

Para visualizar algumas fotos do show clique no título do post.

imagens: juliana brentegani

2 comentários:

Gui Barreto disse...

Mas olha quem apareceu..fazia tempo que não postava hein Juh? O show foi realmente muito bom, valeu a pena ficar até tarde trabalhando..hehehe....bjo Juh

Vivi*Cris* disse...

Tom é sempre Tom Zé né!rs Pow dev tr sido msm massa o espetáculo d Tom Zé! Infelizmnt ainda ñ tiv o prazer d conhecê-lo.Toda essa irreverência, misturada com esse humor fantástico faz d Tom ser o homem q é! Só vale ressaltar q ele iniciou sua carreira musical na Banda Filarmônica Cardeal Leme de Espírito Santo do Pinhal a ql ele cita com mt carinho e respeito á tds os lugares ond passa.Suceeso Tom! Bjão